Proteção e Contaminação Cruzada

categoria descartáveis tattoo

Logo no inicio do aprendizado da arte da tatuagem, um assunto muito importante que se seve aprender, é o cuidado com o material, a limpeza e como evitar a contaminação cruzada. Esse assunto deve ser relevante, e aplicado todo dia em seu trabalho, só assim vai ter um ambiente limpo e seguro para os clientes e o próprio tatuador.

A contaminação, esta que pode ser física, química, ou biológica, pode ser transmitida por uma tinta que foi mal conservada, por partículas contaminadas no ar, ou ainda diretamente no contacto de um material que ja foi contaminado. 

Como fazemos para evitar essa contaminação? 
Protegendo e cuidando bem do material utilizado durante a tatuagem, e descartando corretamente tudo aquilo que foi exposto na sessão, só assim garantimos a segurança e higiene do tatuador, bem como dos clientes e do meio ambiente.

Devemos pensar na proteção desde o material de contacto direto, na qual esta habituado diariamente, desde a bancada, a maquina, e o grip, como aos materiais inusitados, tais quais os candeeiros de iluminação, ou tablets por exemplo. 
Tudo aquilo que for utilizado durante a tatuagem deve ser protegido e isolado, para então ser descartada após o uso.

E quais são essas proteções?
Começando pela bancada de trabalho, podemos aplicar uma camada de Película Protetora, e depois podemos dispor de uma toalha impermeável da Monoart, assim fica muito mais fácil de limpar tudo após o uso, evitando com que a tinta se espalhe, e protegendo a bancada de qualquer contaminação.

A película também deve ser utilizada, para o mobiliário onde o cliente vá usar, caso não haja proteções adequadas, como proteções para marquesas, ou apoio de braços. Basta envolver todo o mobiliário com película, e retirar no final da sessão. 

Dos objetos que ficam em cima da bancada, tudo que não for descartável e for utilizado ou manuseado durante a tattoo deve levar algum tipo de proteção.
Por exemplo para o tubo de esguicho, que contem o sabão utilizado durante a limpeza da tatuagem durante a sessão, pode se utilizar um Saco Protetor para esguicho, possuimos duas opçoes em loja, e um deles é da Ecotat, que faz produtos biodegradaveis, ajudando assim o meio ambiente.  

Em relação a máquinas e fontes, começando pela fonte de alimentação, deverá sempre ser protegida, uma vez que durante a tatuagem a voltagem será alterada varias vezes, tendo o tatuador o contacto com a fonte, e esse manuseio um risco de contaminação. 
Caso sua fonte seja de bancada, como entre outras, a Nemesis, Critical, ou Musotoku, pode utilizar sacos de proteção para Maquinas e Fontes também da Ecotat, ou no caso da Musotoku, a proteção exclusiva da marca, 360 Protect Cover.
No caso das Baterias, como é o caso da Portex, pode passar Película Protetora, e posteriormente uma volta de Fita para Proteção de Grip, ajudando a fixar a Película e proteger a Bateria.

Para proteger a sua máquina, podem ser utilizadas diversas proteções, cada uma de acordo com o tipo de maquina que possua. Para Maquinas de bobinas, ou rotativas grandes, podem ser utilizados as proteções para Maquinas e Fontes da Ecotat. 
Caso utilize uma Pen, deverá utilizar um protetor de Pen , que pode ser da Moody, e depois passar uma volta de fita para grip auxiliando a fixação e melhorando a proteção. Lembrando que apenas a fita para grip envolvida na Pen, não fornece uma proteção completa e correta, uma vez que as fitas não possuem essa funcionalidade por possuirem pequenos furos, onde pode passar partículas contaminadas.

Um dos itens que tem a proteção mais negligenciado, é o cabo clip-cord, ou RCA, por achar que o mesmo não fornece risco de contaminação, mas vale a pena lembrar que o mesmo pode muito bem acidentalmente ser contaminado, ao entrar em contacto com a tatuagem, ou ainda com as outras superfícies de trabalho durante a Tattoo.
Dispomos de diversas opções, em rolo, como por exemplo o Rolo de 300m da Moody em cor preta, e o Rolo da Ecotat de 250m que é biodegradavel, e ainda sacos com tamanhos específicos individuais, da Ecotat.

Por fim, após a desmontagem do material de trabalho e o descarte apropriado de todo o lixo, e , deve ser aplicado um Spray de desinfecção, como por exemplo o Distel, para finalizar a limpeza e desinfecção do vosso material e garantir a bio-segurança. 
Lembrando que todo material que não for descartável, deverá ser devidamente esterilizado com as ferramentas adequadas, como por exemplo auto-clave, antes do próximo uso.

Se gostou desse post, fiquei ligado em nossas redes sociais, e acompanhe nossa Friday Live, todas as sextas-feiras as 19h. 

Esse material foi trazido com o intuito de informar, e esclarecer duvidas referente aos materiais para tattoo. Não nos responsabilizamos por nenhum tipo de má interpretação ou acontecimentos de terceiros.

Deixe uma resposta

×

Olá

Escolha um dos nossos assistentes para falar no WhatsApp ou envie-nos um email para mail@pedradatattoosupplies.com

×